Cerveja e café: vem que tem!

Café de Casa
Em 5 de novembro de 2011
Durante o cafezinho do(a)


Tem trabalho que nem parece ser obrigação. Assessorar o Festival Brasileiro da Cerveja, que acontece entre 17, 18 e 19 de novembro em Blumenau (SC), e um desses. Mergulhada nas atualizações sobre as mais de 70 expositoras (sim, você leu certinho: mais de 70 expositores com mais de 200 rótulos), encontrei a Colorado Denoiselle. Uma cerveja que leva café na sua formulação.

O processo de produção, segundo o site, é mais ou menos assim:

Cerveja escura como a noite, que leva café na sua formulação. Essa cerveja Porter é feita com maltes importados da mais alta qualidade e o melhor café da região da Alta Mogiana. O café é comprado direto do produtor, moído e torrado com rigoroso critério e macerado em água fria para só então ser adicionado ao mosto cervejeiro, evitando desta forma que o café perca seu maravilhoso aroma.

O nome é uma homenagem a Santos Dumont, que era de uma família proprietária de fazendas de café. E essa invenção já foi reconhecida. Conquistou a medalha de ouro no European Beer Star 2008 na categoria Porter. Em 2009, foi eleita a Cerveja do Ano pela revista Prazeres da Mesa.

No Festival, o trabalho que me desculpe, mas eu vou ser obrigada a provar. E vocês?

Mais sobre o assunto
Lá no site Mestre-cervejeiro, o Luís Celso Jr. falou mais sobre essa relação muito íntima e aparentemente muito boa entre os aromas de café e a cerveja. Vale uma visita!

Tags: , , ,

Os comentários estão fechados.